Usina Superior
Beleza

Miniguia para saúde e beleza da pele

12 de setembro de 2017
Share on FacebookShare on LinkedInTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someonePrint this page

Quando falamos de pele, devemos lembrar que há vários tipos: oleosa, seca, mista e normal. Há peles que são mais sensíveis, ficam avermelhadas, outras com tendências para manchas ou ainda são muito espessas ou muito finas. Para promover a saúde da pele e retardar o envelhecimento, alguns cuidados são fundamentais. A limpeza da pele, a hidratação tópica, a proteção solar, a ingestão de água, a alimentação equilibrada e o uso de cosmêceuticos indicados por especialistas. Os sabonetes devem ser específicos para face e tipo de pele:

Pele seca: utilizar sabonetes suaves com água thermal, gluconolactona, vitamina D e ácido hialurônico que protegem e hidratam a pele.

Pele oleosa e/ou acneica: sabonetes com baixas concentrações de ácido glicólico, ácido salicílico, enxofre e zinco orgânico (diminuem o sebo). Aloe vera, hamamélis, calêndula e camomila ajudam a acalmar.

Peles sensíveis ou com tendências a vasinhos: podem ser higienizadas com sabonetes líquidos à base de gluconolactona, camomila e chá verde.

Peles mistas: sabonete neutro com pH ideal e enriquecido com vitaminas antioxidantes.

Em evidência as famosas águas thermais e micelar enriquecem os cuidados diários.

Água micelar: o nome micelar vem das micelas que são partículas inteligentes que ajudam a remover impurezas, respeitando o equilíbrio fisiológico. É usada após a higienização facial.

A água thermal: é uma água que pode ser borrifada sobre a pele. Possui pH neutro e é mais alcalina que a água que bebemos e lavamos o rosto, geralmente ácida. Além disso possui uma quantidade maior de sais minerais.

Essas águas melhoram a hidratação facial, acalmam a pele, repõem sais minerais, melhoram estados de inflamações. A thermal borrifada ao longo do dia em cima da maquiagem e filtros solares.

Para evitar manchas, envelhecimento e até mesmo câncer de pele, o uso do protetor solar é indispensável. O melhor é que os filtros solares mais modernos ajudam a hidratar a pele seca, controlam a oleosidade e são poderosos anti-idade. Basta a escolha do protetor solar adequado para seu tipo de pele. Não se deve esquecer de reaplicar ou retocar a aplicação. Se, por exemplo, você aplicou o protetor solar ao sair de casa pela manhã, deve reaplicá-lo ao meio dia, pois o suor e as passadas involuntárias de mão sobre a face removem sua proteção. Você correra o risco de ficar sem proteção solar ao longo do dia e com o sol a pino.

Quanto aos cosméticos em forma de cremes para rejuvenescimento´, as opções são amplas. As formas podem ser em creme, gel-creme, sérum ou óleos. Cada produto para cada tipo e necessidade da pele. Os ativos que agem na pele são diversos: vitaminas, minerais ou extratos.

O que está em foco atualmente são os fatores de crescimento. Esses sinalizadores celulares agem como mensageiros, acelerando funções das células e processos de regeneração. As vitaminas A, C e E são ótimos antioxidantes e anti-idade e podem ser usadas de forma tópica e ingeridas e proporcionam uma proteção contra radicais livres e o envelhecimento. A vitamina C faz a síntese do novo colágeno e promove sustentação para pele. A vitamina A ou o retinol inibe a pigmentação, o espessamento excessivo, a produção exagerada do sebo. Há mais de 700 estudos publicados que comprovam a eficácia dessa vitamina para manter a jovialidade da pele, atuando fortemente na diminuição das rugas e contra doenças da pele. Já a vitamina D é conhecida por alguns como a molécula do século, quando a questão é longevidade. Excelente para todo organismo, na pele, a vitamina D restaura a epiderme, provoca hidratação duradoura e age antienvelhecimento. A aplicação vem em forma de séruns, cremes e até na elaboração de alguns sabonetes. No estado do Rio Grande do Sul é comum encontrar pessoas com deficiência nessa vitamina, obtida também pelo sol. Não precisamos expor o rosto ao sol para obtermos essa vitamina. O indicado é uma boa parte da pele exposta depois das dez da manhã e antes das dezesseis, apenas quinze minutos. Como nosso clima não é favorável a essa exposição. A suplementação aparece alternativa.

Os minerais essenciais para pele são cálcio, silício, selênio, magnésio, potássio, cobre e o zinco que podemos obter por meio da alimentação, por suplementação via oral e na forma tópica em cosméticos.

A melhor maneira para cuidar da pele é procurar profissionais especialistas na área.

Fonte: Ana Fortes – Fisioterapeuta dermatofuncional – CREFITO 86.690-F – Telefone: (54) 98118-7182


Usina Superior