Usina Superior
Bem-estar

A prática da atividade física e seus benefícios relacionados à promoção de saúde mental

10 de novembro de 2017
Share on FacebookShare on LinkedInTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someonePrint this page

A prática de exercícios físicos, além de colaborar com o bem-estar das pessoas, promove um upgrade na saúde mental. Ou seja, além de melhorar a qualidade de vida das pessoas ela também favorece uma pré-disposição maior para realização das atividades do dia a dia. Atualmente, vivemos dias “corridos” onde o tempo é nosso maior vilão. Toda essa aceleração faz com que nosso corpo sinta o cansaço e muitas vezes ele apresenta-se na forma clássica de estresse e ansiedade. O mundo imediatista pode trazer consequências psicológicas graves, bem como os transtornos de ansiedade, transtornos depressivos e também transtornos alimentares. De fato, quando esses quadros clínicos aparecem encontramos uma resposta física e psicológica a mudanças e situações novas, por isso, agregar atividade física com a psicologia faz sentido para que possamos encontrar uma forma prazerosa de instaurar a promoção de saúde física e emocional nas pessoas.

Sabemos que a prática de atividade física pode trazer vários benefícios para a saúde: fortalecimento muscular, aumento da capacidade cardiopulmonar, bom funcionamento e desempenho dos órgãos, melhora na concentração e disposição diária. A prática de exercícios físicos também causa efeitos psicológicos benéficos quando elimina os hormônios do estresse e faz com que a ansiedade diminua. Aliado a isso, a psicologia auxilia as pessoas a reforçar sua autoestima e a encontrar sentido naquilo que estão praticando.

Resumimos alguns efeitos salutares da prática da atividade física aliada à psicologia. Pode haver resultados positivos e uma vida mais saudável física e emocionalmente:

– diminuição do risco de doenças;

– estimulação da memória;

– melhoria no humor;

– alívio da ansiedade;

– redução do estresse;

– favorecimento de autoestima;

-fortalecimento nas relações sociais;

– controle da dependência química.

A ideia é incorporar a prática de exercícios físicos como parte da rotina semanal e entendê-la como um elemento importante na busca pelo bem-estar físico e emocional. Ela pode contribuir para o tratamento de depressões e outros transtornos, como também proporcionar um sono mais agradável. Por isso, quando o indivíduo está em atendimento psicológico e busca uma melhor percepção de si mesmo, consequentemente procuram por saúde emocional e melhora em seus relacionamentos interpessoais e intrapessoais. Quando as pessoas buscam frequentar a academia, além da saúde física, elas certamente poderão melhorar seus relacionamentos, pois passam a conhecer pessoas novas com novos pensamentos e novos pontos de vista.

Por isso, aos poucos, todos que praticam algum exercício físico passam a perceber as melhorias, mesmo que no início seja difícil ou mais lento de se verificar os resultados desejáveis. Com a persistência, porém, e foco, os objetivos serão alcançados e os benefícios observados, tanto os físicos quanto os psicológicos.

 

Fonte: Kátia Renata Dick – Psicóloga – CRP 07/25120 – Telefone: (54) 99901-2429


Usina Superior