Residencial Cristo Rei
Destaques

Varizes: como posso tratá-las?

12 de setembro de 2017
Share on FacebookShare on LinkedInTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someonePrint this page

Varizes é o termo utilizado para definir as veias que, por diferentes processos, tornam-se dilatadas, alongadas e tortuosas, apresentando perda de sua função e tornando-se doentes. Hereditariedade, gestação, hormônios, obesidade, entre outros fatores, contribuem para o seu aparecimento. Existem várias opções para o tratamento das varizes e de seus diferentes graus:

Tratamento medicamentoso: uso de medicações, do tipo flebotônicas, por via oral para alívio dos sintomas de dor, inchaço e peso nas pernas.

Tratamento compressivo: uso de meias elásticas com grau de compressão variável. Elas conduzem à melhora do funcionamento da chamada bomba da panturrilha, diminuindo o refluxo venoso e melhorando o funcionamento da veias varicosas. Além disso melhoram o edema (inchaço das pernas), a dor e o desconforto nas pernas e também impedem a progressão das alterações já existentes.

Escleroterapia: injeção de agentes esclerosantes no interior das veias doentes, promovendo o seu desaparecimento. Indicado para o tratamento dos pequenos vasinhos chamados telangectasias e vênulas. Pode ser realizado no consultório e não necessita de nenhum tipo de anestesia.

Escleroterapia com espuma: injeção de agente esclerosante em forma de microespuma no interior do vaso. É indicado para veias de pequeno, médio e grosso calibre. Nas veias de grosso calibrem como as safenas e nas veias perfurantes o procedimento deve ser realizado guiado por ultrassom. Pode ser realizado no consultório e o uso de meia elástica é obrigatório após o procedimento.

Tratamento cirúrgico: remoção das veias varicosas e também das veias safenas doentes em forma de cirurgia em ambiente hospitalar. São realizadas pequenas incisões para a retirada das varizes e das safenas. Como é um procedimento cirúrgico, é necessário a realização de uma anestesia na coluna, a raquianestesia.

Ablação por endolaser: cauterização das veias safenas e também das veias perfurantes por meio de uma fibra de laser colocada no interior da veias por uma punção. É realizado no centro cirúrgico com anestesia e não necessita cortes. A recuperação do paciente é rápida e a utilização de meia elástica no pós operatório imediato é necessário.

Ablação por radiofrequência: cauterização das veias safenas por intermédio de um cateter colocado no interior da veia safena através de uma punção. É realizado no centro cirúrgico com anestesia. O uso de meia elástica no pós operatório é obrigatório.

Todas essas técnicas são aplicáveis para o tratamento das varizes, cada uma com sua indicação e também com seus riscos e suas complicações. Cabe ao cirurgião vascular indicar qual a melhor para cada caso auxiliando o paciente em sua decisão.

Agende uma consulta para tirar suas dúvidas.

Fonte: Eduardo Lima Tigre – Cirurgião Vascular e Endovascular – CRM 32087 – Telefone: (54) 3045-5119 / (54) 99961-1909


Usina Superior